fbpx

Gestão financeira empresarial: 3 estratégias que você deveria saber


Não negligencie essas estratégias de gestão financeira empresarial ao administrar sua pequena empresa.

 

Ser dono de uma pequena empresa é tudo sobre realizar sonhos e engatinhar no mundo dos negócios. Mas é também sobre como gerenciar financeiramente o negócio com responsabilidade a fim de manter o controle das finanças em dia.

A gestão financeira é uma das responsabilidades mais importantes dos proprietários e gerentes de negócios. Eles devem considerar ações e antecipar situações sobre os lucros, o fluxo de caixa e as condições financeiras da empresa.

E quando você não é um especialista na área, isso pode ser tão complicado quanto administrar uma empresa de grande porte. Porém, existem algumas maneiras de gerenciar tudo sem dor de cabeça. Aqui estão três que você precisa conhecer:

 

1. Crie um orçamento e ajuste regularmente

Criar um orçamento é o primeiro passo para administrar o financeiro do seu negócio.

A maioria dos proprietários de pequenas empresas ignora o orçamento pelo fato de ser difícil estimar o quanto será gasto mensalmente.

Tudo bem se os números reais de períodos anteriores não estiverem na mesa, afinal, você está começando, mas definir um orçamento faz com que você fique atento aos números da sua empresa.

Aqui está mais ou menos como começar…

Calcule o quanto você recebe mensalmente e, em seguida, anote os custos fixos, ou seja, os que são os mesmos todos os meses. Aluguel, energia, salários, assinaturas de softwares e seguro normalmente são coisas que não mudam de mês para mês.

Em seguida, anote os custos variáveis, ou seja, aqueles que variam de mês para mês.

Depois de criar seu orçamento, monitore a cada mês, trimestre e ano. Com o passar do tempo e ganho de experiência, seus orçamentos serão mais precisos.

 

2. Organize o seu fluxo de caixa

Quando você começa um negócio, é importante acompanhar todos os rendimentos e despesas desde o primeiro dia – mesmo que os números sejam zero.

É fácil deixar o fluxo de caixa de lado quando você tem milhões de coisas para fazer, mas é importante manter a gestão financeira empresarial no topo das prioridades.

Para começar: use um sistema de gestão financeira online baseado em nuvem. Há opções de baixo custo para escolher, tanto para quem está começando quanto para quem já está no mercado há um tempo e precisa de terceirização financeira.

 

3. Lembre-se que tempo é dinheiro

Marketing, vendas, contabilidade e atendimento ao cliente. Se você está começando, provavelmente você está fazendo tudo sozinho. Porém, à medida que o negócio cresce, é importante saber no que você é bom e o que provavelmente não.

Claro, você pode gastar 4 horas do seu dia mexendo na papelada e organizando seu financeiro através de planilhas no Excel, mas o que você poderia fazer nessas 4 horas? Você poderia pagar alguém para lidar com a gestão financeira empresarial?

Depois que você tiver trabalho suficiente para lhe manter ocupado por 8 horas todos os dias, procure terceirizar algumas tarefas. Você pode contratar um especialista ou terceirizar a gestão financeira, lhe dando mais tempo para construir seu negócio.

 

Administrar um pequeno negócio não é fácil, mas com disciplina e organização, o caminho fica mais suave.

Uma vez que você entenda a gestão financeira empresarial e aplique tudo o que dissemos aqui, você vai ter uma visão melhor de como sua empresa está se saindo financeiramente, onde melhorias são necessárias e onde existe oportunidade de crescimento.

Todas as dicas são excelentes para quem está começando. E caso queira saber mais sobre terceirização financeira, confira nosso artigo sobre como a terceirização financeira ajuda você a gastar mais tempo cumprindo seu trabalho.

Postar um comentário